5.12.11

Assim vai a Europa Unida


acabo de saber a noticia que o Primeiro Ministro Italiano, abdica de receber o seu salário.

Por cá, só três Ministro abdicaram de receber subsídio de deslocação.

Na Itália, a senhora Ministra do Trabalho, chorou em plena sessão televisiva quando anunciava cortes nas pensões dos reformados.

Por cá, já vimos um Senhor Primeiro Ministro, limpar as lágrimas, só porque não lhe aprovaram o Pec 4

Por cá a Senhora Presidente da Assembleia da Republica é Reformada.

??? Com que idade? Que importa, as pessoas cansam-se e o cansaço não escolhe idades.

Na qualidade de reformado e em meu nome pessoal, quero agradecer e dizer ao Governo de Portugal, que me sinto eternamente reconhecido, pelo facto de o corte do subsídio de Natal, não abranger quem receba um valor inferior a 600 € de reforma.
Assim, nesta quadra Natalícia, os vendedores de Perus não terão mãos a medir. Também a Galp- Gás e a EDP, enviaram uma nota, indicando quem são os pobre que se podem candidatar à "bonança" de descontos na suas facturas. Os Beneficiários, segundo as minhas contas, são os indigentes.
Como já não tem luz, nem gás, acabam por poupar também a taxa de TV e Rádio.
São e somos todos uns sortudos.

26 comentários:

Luís Coelho disse...

Eia menino o que por aí vai!
Nunca se viu tanto politico reformado a trabalhar para o governo, mas nenhum deles abdica dos seus salários.
A crise passa-lhes ao lado.........

Maria disse...


Coitadinho do 1º ministro! Vai ter uma vida de miséria. O que ele se sacrifica.
A presidente da Assembleia terá começado a descontar aos 10 aninhos? Tadinha dela!
Tenho dois vizinhos muito felizes: vivem na rua, logo não pagam renda. Vão ao chafariz buscar água, logo não pagam água. A luz vem do candeeiro da rua, logo não pagam luz, não têm fogão, logo não pagam gás. Não têm reforma, nem outras ajudas, logo não pagam impostos. São os seres mais felizes que conheço. Apanham chuva e frio, comem restos mas, o que é isso comparado com os benefícios que auferem? Nada.
Beijinhos amargos
Maria

São disse...

Meu querido Amigo, partilho de coração a tua mágoa e indignação!!

Um abraço carinhoso

Anónimo disse...

Os ricos e poderosos o serão até.. caírem do poleiro...

Imagine, Zé, que eu, com dupla nacionalidade, apanho os excrementos duplamente...

Beijinhos
Verdinha

Desculpa comentar em anónimo.

Zé do Cão disse...

Luis

E fiquei pasmado com as declarações do Angêlo Correia. O criador do Passos Coelho...
Convido-o mesmo a dar um olho ao blogue "Sempre Jovens".
Choca ouvir aquelas palavras.

O meu abraço

Zé do Cão disse...

Maria

Tenho saudades tuas.
Quantos aos vizinhos, infelizmente todos nós temos vizinhos desses, e a aumentar a sua quantidade todos os dias.
Beijo

Zé do Cão disse...

São

Passa pelo "sempre jovens" e lê sobre o Angelo Correia.
Enoja ler aquilo...
Tinha-o por um homem inteligente... e sério.

Beijos

Zé do Cão disse...

Verdinha

Afinal sou mais feliz. Só apanho os excrementos uma só vez. Como não há bela sem senão, apanho-os de todos os poleiros.

Beijos

Green Knight disse...

A "inteligência"nos políticos reflete-se na velha máxima:"Quando o mar bate na rocha quem se.......! Neste quadro, "uma grande inovação", representa bem, quem está em cima, o que deixam cair e quem apanha.
As nossas universidades devem estar muito orgulhosas!
Palavras sábias, de alguém que pronunciou um dia:"O povo é sereno e não arreda pé".
Um abraço amigo Zé
jrom

São disse...

Passarei, esse~Ângelo saiu bem melhor que as ecomendas!

Um solidário abraço neste momento, meu amigo.

Zé do Cão disse...

O Povo é sereno até um dia...
As coisas complicam-se e o povo é capaz de explodir. E se explode, a coisa torna-se séria.

Em fim de vida, não me apetecia nada dar esta nota de opinião, mas vamos ficando cada vez mais fartos desta vilanagem que se apoderou da nação.
O meu fraterno abraço

Zé do Cão disse...

São
Obrigado minha amiga, obrigado.

era um bom homem, bom pai, bom sogro e muito meu amigo.

jinhos

elvira carvalho disse...

Amigo acabo de saber. E porque há alturas que as palavras não servem de consolo, deixo um abraço de solidariedade para toda a família.

Zé do Cão disse...

Elvira


o meu obrigado



Je Vois la Vie en Vert disse...

Caro amigo,

Percebi que foi embora uma pessoa amiga e que conhecia através das tuas palavras. Não a perdeste, só está do outro lado do espelho, olhando e zelando por vós mas só ele vos pode ver. Ele foi ter com quem amava.
O meu abraço sentido para a tua mulher e para ti.

Verdinha

Magia da Inês disse...

º°♥❤ Olá, amigo!
❤ Deixo um abraço!

º°❤ Beijinhos.
♥❤ Brasil.

Green Knight disse...

Amigo ZÉ um grande abraço para ti e para a família.
Mariana e Jrom

Zé do Cão disse...

Magia


Boa tarde,

bjs

Zé do Cão disse...

Green
Um grande abraço. Quando é o próximo almoço?
Temos de comer todos os dias, não é?




As coisas vão recompor.se.

Zé do Cão disse...

Verdinha.

Sempre presente!...obrigado



Pascoalita disse...

Xiiiiiiiii coisas tristes e asquerosas vêm acabar com o meu já frágil sentido natalício ...

Partilho inteiramente desses teus pontos de vista, mas isto é um "mundo de cão" mesmo!!!

Quanto aos perús, acho que este Natal nem aquele que foi perdoado pelo Obama se safa.

Isto é que vai uma crise ...

Passa um bom fim de semana ... aqui está uma morinha, tipo "ataca malucos", sabes? dá-me conta do sistema nervoso eheheh

bjinhos

Kim disse...

Amigo Zezito
Quem está por baixo está sempre sujeito a receber a porcaria que qualquer passarada possa ofertar.
E sabes bem que há por aí muitos passarões prontos a tudo.
Cuida-te
Um grande abraço

São disse...

O meu abraço fraterno e solidário pela perda, meu amigo, para ti Dona.

Zé do Cão disse...

Pascoalita
Dizes que é um mundo cão. Já nem sei o que é.

Q minha esperança está agora nos morangos.
Ser der certo monto negocio de vendas pela internet e então é que vai ser...
Já pedi ajuda ao banco, mas eles disseram que não há provisão.

Biquinhos
Ao ouvido para que ninguém nos oiça, ainda antes do natal vou até à Galiza.

Zé do Cão disse...

Kim
E a nós calha-nos estar sempre por baixo.

Estou farto de os apanhar.


Grande abraço

Zé do Cão disse...

são (zinha)

era um sogro que tiravas todos os espinhos da frente do genro.
Deixa-me saudades.


Biquinhos